​Gente que Recicla – Mulheres que Transformam


A websérie da Tetra Pak Brasil chega em sua segunda temporada, agora contando histórias de mulheres que transformaram suas vidas por meio da reciclagem.


Com o objetivo de mostrar o impacto positivo da reciclagem sob o olhar de personagens reais, a série "Gente que Recicla" volta para uma segunda temporada focada em retratar o empoderamento feminino e a forte participação das mulheres no incentivo à sustentabilidade. Você poderá conhecer a história da Juliana, da Evelin, da Ionara, da Patricia e da Fabiana, suas conquistas, desafios e seu papel na evolução de uma economia circular.

Todas essas mulheres tiveram seus caminhos cruzados com a Tetra Pak por meio de iniciativas ligadas à reciclagem. Nós estamos juntos com elas no compromisso de proteger o futuro e acreditamos que isso só é possível por meio da conscientização e engajamento de todos em prol da sustentabilidade.

Suas trajetórias marcadas pelo trabalho com a coleta seletiva de materiais recicláveis ajudam a educar sobre o descarte correto de resíduos. E a liderança que exercem nas cooperativas, empresas recicladoras e conferências internacionais são o reconhecimento de muito trabalho e de uma vida dedicada à reciclagem.

Junte-se a nós nessa tarefa de construção de uma economia circular e aproveite para rever a primeira temporada​.​


​Assista à série​


Reunir as crianças para falar de sustentabilidade é o caminho mais correto para cuidarmos do futuro. É nisso que acredita a Patricia Gonçalves. Fundadora da ONG Noolhar, que trabalha com educação ambiental no norte do país, seu objetivo é despertar protagonismo nas comunidades para que todos entendam a importância da reciclagem.​

​​Fundadora da primeira cooperativa do bairro da Penha, no Rio de Janeiro, a Evelin de Brito já ganhou até prêmio da ONU de empoderamento feminino. Mas seu grande orgulho é ser reconhecida por fazer um trabalho de grande importância social como a reciclagem. Conheça um pouco da história da líder da Coopfuturo​.​

Ionara sonha com o dia em que todos possam ver o material reciclável como oportunidade e não como lixo. Convidada para representar o Brasil em um seminário internacional na África, a diretora da cooperativa Avemare de Santana de Parnaíba (SP), conta a sua trajetória de descoberta do mundo da reciclagem.

​Desde jovem envolvida no processo de reciclagem, Juliana descobriu a importância da sustentabilidade. Hoje, como vice-presidente da cooperativa Vitória do Belém, em São Paulo, ela continua a botar a mão na massa, transformando as vidas de sua família e das cooperadas com quem trabalha.

​​​A Fabiana Escobar tenta passar para os filhos o valor da sustentabilidade, demonstrando como a reciclagem foi importante na transformação da sua própria vida. Ela trabalha na recicladora Ecodita, que transforma embalagens recicláveis em telhas, e enxerga um novo caminho para cada material que pode ser reutilizado.​



Quer conversar sobre isso? Escreva para a gente: