Leia mais sobre a Tetra Pak e a Lactogal diminuírem um terço de suas pegadas de carbono nas embalagens cartonadas assépticas para leite por um terço, aumentando o conteúdo renovável com uma barreira à base de papel

 

·       Esta embalagem exclusiva é 90% renovável 
·       Atualmente disponível nas prateleiras em Portugal, com produção em escala industrial prevista para 2025
 

Lausanne, Switzerland (14 de novembro de 2023): Após testes comerciais bem-sucedidos com consumidores em 2022, a Tetra Pak e a Lactogal lançaram uma embalagem cartonada asséptica para bebidas com uma barreira à base de papel. Isso faz parte de uma validação tecnológica em grande escala, envolvendo cerca de 25 milhões de embalagens e atualmente em curso em Portugal. Feita com aproximadamente 80% de papel-cartão, a embalagem aumenta o conteúdo renovável para 90%, reduz sua pegada de carbono em um terço (33%1) e foi certificada como produto neutro em carbono pela Carbon Trust™.2

As emissões de gases do efeito estufa, o desperdício de alimentos e o lixo plástico são citados como as três principais preocupações de sustentabilidade ambiental que as empresas de alimentos e bebidas enfrentam hoje, e espera-se que continue assim nos próximos cinco anos.3 Soluções para embalagens como essas, que aumentam a quantidade de papel e reduzem a pegada de carbono, ao mesmo tempo que garantem a segurança dos alimentos, podem ajudar a indústria a superar esses desafios.

Em 2015, a Tetra Pak foi a primeira do setor a lançar uma embalagem feita inteiramente de materiais renováveis à base de plantas, papel-cartão e plástico à base de cana-de-açúcar. A embalagem Tetra Rex® à base de plantas, adequada para distribuição na cadeia de refrigeração, é totalmente renovável, e a empresa entregou aproximadamente 6,5 bilhões dessas embalagens a clientes em todo o mundo até o momento.

Agora, o lançamento da embalagem cartonada Tetra Brik® Aseptic 200 Slim Leaf com barreira à base de papel, em conjunto com a Lactogal, proporciona uma embalagem que pode ser distribuída em condições de temperatura ambiente, ao mesmo tempo que alcança a marca de 90% de conteúdo renovável. Isso aproxima a Tetra Pak da sua ambição de ter uma embalagem cartonada para bebidas fabricada exclusivamente com materiais renováveis ou reciclados de origem responsável, totalmente reciclável e neutra em carbono. A empresa pretende produzir a solução em escala industrial até 2025.

José Capela, presidente da Lactogal, comenta: “Nossa colaboração com a Tetra Pak centra-se na crença compartilhada de que um futuro mais sustentável é possível. Inovar juntos é uma grande parte disso. Estamos todos focados em uma ambiciosa transformação de sustentabilidade, e a redução de 33% nas emissões de gases do efeito estufa dessa nova embalagem4, juntamente com sua certificação de produto neutro em carbono pela Carbon Trust™, é uma conquista significativa em direção a esse objetivo.”

Ola Elmqvist, vice-presidente executivo de soluções para embalagem da Tetra Pak adiciona: “O desenvolvimento representa um marco crítico em nosso trabalho de longa data para projetar embalagens cartonadas para bebidas para reciclagem, algo que continua a definir o ritmo para a papelização das embalagens. Ao unir forças com a Lactogal, estamos demonstrando que é possível progredir na sustentabilidade das embalagens cartonadas assépticas para bebidas, garantindo ao mesmo tempo a segurança dos alimentos e melhorando o acesso aos alimentos.”

Em 2022, juntamente com seus parceiros industriais na Alliance for Beverage Cartons and the Environment (ACE, Aliança para embalagens cartonadas para bebidas e meio ambiente), a Tetra Pak adotou em conjunto as Diretrizes de design para reciclagem para embalagens cartonadas para bebidas, que fornecem orientação técnica para a reciclagem otimizada desse tipo de embalagem. Mais recentemente, a aliança 4evergreen adicionou orientações de design de embalagens para bebidas ao seu conjunto de ferramentas de circularidade à base de fibras. A 4evergreen é uma plataforma intersetorial que visa aumentar a contribuição das embalagens à base de fibras para uma economia circular e sustentável, tendo a Tetra Pak entre os seus membros fundadores. A Diretriz de circularidade por design atualizada abrange tipos de embalagens compostas à base de fibras (incluindo embalagens cartonadas para bebidas) e informa os designers sobre sua compatibilidade com processos de reciclagem especializados.

CONTATOS DE MÍDIA  

Lucia Freschi 
Tetra Pak
Tel.: +39 347 2632237
Lucia.freschi@tetrapak.com     

 

1Certificada pela Carbon Trust™, referência: Embalagem cartonada Tetra Brik® Aseptic 200 Slim Leaf com camada de folha de alumínio.
2‘’Produto neutro em carbono” significa que, depois de reduzir ao máximo as emissões de CO2 por meio da conversão dos polímeros à base de fósseis da embalagem em polímeros à base de plantas, as emissões residuais de CO2 associadas à fabricação de embalagens são compensadas pelo financiamento de projetos climáticos certificados pelo padrão-ouro em todo o mundo.
3Pesquisa B2B da Tetra Pak sobre os desafios planetários e seu impacto nas operações dos fabricantes de alimentos e bebidas (2023).
4Certificada pela Carbon Trust™, referência: Embalagem cartonada Tetra Brik® Aseptic 200 Slim Leaf com camada de folha de alumínio.



Imagens para download

Tetra brik carton

Embalagem Tetra Brik® Aseptic 200 Slim Leaf com barreira à base de papel

Ola Elmqvist

Ola Elmqvist, vice-presidente executivo de soluções para embalagem da Tetra Pak

José Capela, President of Lactogal

José Capela, presidente da Lactogal