ECONOMIA CIRCULAR

Nossa embalagem e nossas soluções de serviços e processamento otimizam a utilização de recursos. Portanto, os princípios da circularidade são a parte principal dos negócios. Nossa abordagem de cadeia de valor e parcerias está ajudando a tornar nossa economia circular.

Conexão com circularidade

A Tetra Pak está comprometida com uma economia circular com baixas emissões de carbono, em que toda a cadeia alimentar tem um impacto climático mínimo.

Nossa ambição é entregar uma embalagem sustentável que contribua para uma economia circular com baixas emissões de carbono, ou seja, uma embalagem feita inteiramente de materiais renováveis e/ou reciclados que seja totalmente reciclável, sem nunca comprometer os requisitos da segurança de alimentos.

Embora nossas embalagens sejam feitas principalmente de papel-cartão de origem responsável, os polímeros também são usados para camadas protetoras, tampas, fechamentos e canudos. Desejamos minimizar o uso de plásticos baseados em combustíveis fósseis e tomamos algumas ações adicionais nessa direção.

Compromissos e colaboração

Em 2016, a Tetra Pak ingressou no Circular Economy 100 (CE100), uma plataforma pré-competitiva com várias partes interessadas estabelecida pela Ellen MacArthur Foundation. As organizações participantes trabalham para criar uma economia restauradora e regenerativa. Nossa associação nos permite testar, dimensionar e desenvolver inovações em colaboração com os outros membros do CE100, garantindo sua total viabilidade.

Em janeiro de 2018, fomos uma das primeiras empresas a oferecer apoio à estratégia de plásticos da UE. Nosso compromisso envolve o trabalho com parceiros do setor para garantir que soluções de reciclagem estejam em vigor para todos os componentes de embalagens cartonadas para bebidas, aumentando significativamente o uso de plásticos feitos de insumos renováveis usando plásticos reciclados depois de serem disponibilizados e validados como seguros e legalmente aceitáveis como materiais de contato com o alimento.

Em março de 2019, assinamos o Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico da Ellen MacArthur Foundation, o que para nós implica o seguinte:

  • Vamos lançar um canudo de papel em 2019. Esperamos industrializar a produção em uma escala que atenda às demandas globais até 2025.

  • Trabalharemos com parceiros para aumentar a reciclagem do PolyAl - os componentes não fibrosos de uma embalagem cartonada para bebidas.

  • Usaremos o conteúdo de plásticos reciclados em nossas embalagens até 2025, desde que o plástico reciclado adequado para alimentos esteja tecnicamente e economicamente disponível. Também faremos, em maior escala e mais rapidamente, o uso de plásticos reciclados para embalagens secundárias e material de distribuição.

Acreditamos que o próximo passo para os formuladores de políticas e para a indústria é contribuir para descarbonizar a indústria e reduzir nosso impacto global sobre o clima. Somente através de esforços combinados, a visão de economia circular com baixas emissões de carbono pode ser cumprida.

Descubra como nós conduzimos a nossa estratégia de mudança climática e muito mais aqui.

Como contribuímos com a economia circular com baixas emissões de carbono

Existem várias maneiras importantes com que nossa empresa já contribui com uma economia circular:

Uso de materiais renováveis: Recursos renováveis são materiais naturais que voltam a crescer, como madeira e cana-de-açúcar. O uso e o gerenciamento deles com responsabilidade nos diferencia no mercado e protege o nosso planeta. Hoje, o conteúdo renovável médio do material das nossas embalagens cartonadas representa cerca de 75%. No longo prazo, queremos fazer todas as nossas embalagens com materiais 100% renováveis. 

Em colaboração com a Ellen MacArthur Foundation, o CE100 e três de suas empresas, publicamos um comunicado em conjunto sobre a função e a contribuição de materiais renováveis para um futuro circular e com baixas emissões de carbono.

Fornecimento responsável de materiais: A aquisição responsável é uma etapa importante na migração para a circularidade; aprimorando a entrada, podemos ajudar a garantir que a economia circular seja realmente sustentável. Todo o nosso papel-cartão é fornecido pelas florestas certificadas pelo Forest Stewardship Council™ (FSC™) e outras fontes controladas. Usamos uma quantidade ínfima de alumínio em nossas embalagens como uma barreira protetora essencial. Estamos inovando continuamente para reduzir a quantidade usada, sem deixar de investigar alternativas. Como parte da Aluminium Stewardship Initiative (ASI), buscamos lidar com os principais problemas sociais e ambientais associados a esse material.

Aumento da reciclagem: A reciclagem ajuda a manter materiais valiosos na economia, e os materiais reciclados há cada vez mais demanda para diferentes aplicações. Todas as embalagens cartonadas da Tetra Pak são recicláveis, e mais de 46 bilhões foram recicladas apenas em 2017. Trabalhamos para aprimorar a cadeia de valor da reciclagem onde quer que nossas embalagens cartonadas estejam. Como parte da promessa à estratégia de plásticos da UE, temos o compromisso de trabalhar com parceiros do setor a fim de garantir que soluções de reciclagem estejam em vigor para todos os componentes de embalagens cartonadas para bebidas na Europa até 2030.

Busca por processos e produtos eficientes: Precisamos fazer mais com menos para crescer dentro dos limites do nosso planeta. Com a maior eficiência de nossos produtos e processos, minimizamos os desperdícios e reduzimos o consumo de recursos. O equipamento de processamento e envase de alimentos da Tetra Pak representa as melhores soluções disponíveis. Inovamos incansavelmente no desenvolvimento de novos produtos e serviços que minimizem a utilização de recursos e reduzam os custos para nossos clientes.

Embalagens cartonadas para bebidas contribuem para a construção de uma economia circular com baixas emissões de carbono

Economia circular

Quer saber mais sobre a nossa abordagem da economia circular?