Visão geral: Um mundo em mutação

01 | O meio ambiente é a principal preocupação global – e essa urgência vem crescendo

Em um momento onde a incerteza e a turbulência são marcantes, é impressionante que as questões ambientais estejam no topo da (longa) lista de preocupações globais, com uma margem de 63%. Além disso, a maioria dos consumidores acha que a situação só vai piorar, com 86% acreditando que o foco nas questões ambientais aumentará nos próximos cinco anos. De fato, dois terços acreditam que estamos caminhando para um desastre ambiental, a menos que mudemos nossos hábitos diários rapidamente.

 

Gráfico: preocupações globais mais urgentes

Embora as questões ambientais específicas variem um pouco entre os países, o aquecimento global é a questão mais preocupante em geral. Ela lidera em todos os países pesquisados, com exceção da China e da Arábia Saudita, que estão mais preocupados com a poluição do ar (tendo o aquecimento global como a segunda principal preocupação de ambos). A preocupação com as mudanças climáticas é relativamente consistente, embora as evidências/os efeitos locais do aquecimento global possam ser muito diferentes. O que separa os países é o nível da providência adotada para diminuir o impacto negativo, tanto em nível pessoal quanto industrial e governamental.

Nas nossas entrevistas qualitativas com os consumidores mais conscientes sobre o meio ambiente, entrevistados de todas as partes expressaram preocupação com a piora na saúde do planeta, mesmo nos mercados onde anteriormente havia um interesse limitado. Essas questões chamaram a atenção deles principalmente através da mídia, principalmente as redes sociais, embora, novamente, muitos entrevistados tenham citado exemplos de mudanças climáticas que afetam diretamente suas próprias vidas.

Há também uma forte conscientização sobre os crescentes desafios globais relacionados aos resíduos, principalmente o impacto do plástico sobre os oceanos e a vida marinha. Os entrevistados no Brasil, Arábia Saudita e Indonésia, em especial, citam os efeitos ambientais locais negativos do desenvolvimento e da industrialização rápidos.

No geral, o interesse no meio ambiente vem mudando rapidamente de uma preocupação abstrata e distante para uma que é muito mais concreta, urgente e, principalmente, individual, já que os consumidores enxergam isso cada vez mais como uma questão que afetará a saúde deles e de suas famílias.

Infográfico: 2 a cada 3 consumidores acreditam que estamos caminhando rumo a um desastre ambiental

Estudo de caso: Woodlands Dairy (África do Sul)

O grande produtor de leite Woodlands Dairy participa do processo de embalagem das principais marcas de varejo nacionais e tem sua própria marca, a First Choice.

De propriedade familiar e apaixonada pelo meio ambiente, a Woodlands lançou recentemente uma campanha de sustentabilidade chamada "It's All Good", construída em três pilares: Promessa (qualidade e integridade dos negócios); Planeta (conservação); e Pessoas (todas as pessoas são importantes).

Em junho de 2019, a Woodlands lançou o primeiro Tetra Brik® Aseptic 1000ml Slim da África, com Helicap™ 23 de base biológica para seu leite First Choice. A embalagem possui mais de 80% de materiais renováveis - incluindo um fechamento e um filme plástico derivados parcialmente da cana de açúcar, além do papel-cartão FSC™ - e também é reciclável.

Leite First Choice em embalagens cartonadas assépticas Tetra Brik® Aseptic

Vendido através dos meios comerciais moderno e tradicional, a nova embalagem foi lançada em conjunto com o marketing local e nas plataformas de redes sociais, com o slogan #GoodStartsSmall. As mensagens foram mais focadas na sustentabilidade, nas embalagens com maior conteúdo renovável e reciclagem, que recebeu o apoio do diálogo de influenciadores nas redes sociais. O design da embalagem inclui um código QR, que os consumidores podem digitalizar com um smartphone, a fim de aprender mais sobre sustentabilidade.

Leia a próxima seção: Saúde e meio ambiente estão convergindo